PDA

View Full Version : Resultados Dodecad World 9



Amarelo
08-23-2019, 05:13 PM
Fala pessoal, boa sexta feira para todos nós..

andei refazendo meu Gedmatches para aproveitar o ócio laboral.. Eu sei que grande parte disso é bobagem, entretanto os dados que colarei foram bastante curiosos principalmente os do Mixed Mode Population Sharing. Gostaria de dar uma olhada nos de vocês para ver o quanto disso é mero devaneio.. Obrigado!


Admix Results (sorted):

# Population Percent
1 Atlantic_Baltic 55.46
2 Southern 25.04
3 Caucasus_Gedrosia 8.84
4 African 5.68
5 Amerindian 4.76
6 Australasian 0.21
7 East_Asian 0.01

Single Population Sharing:

# Population (source) Distance
1 Brazilian (Dodecad) 2.57
2 Extremadura (1000 Genomes) 8.71
3 Murcia (1000 Genomes) 8.92
4 Canarias (1000 Genomes) 8.94
5 Portuguese (Dodecad) 8.98
6 Andalucia (1000 Genomes) 9.4
7 Baleares (1000 Genomes) 9.43
8 Galicia (1000 Genomes) 9.6
9 North_Italian (HGDP) 10.24
10 N_Italian (Dodecad) 10.34
11 Castilla_La_Mancha (1000 Genomes) 10.41
12 Spaniards (Behar) 10.65
13 Castilla_Y_Leon (1000 Genomes) 10.65
14 Spanish (Dodecad) 11.47
15 Valencia (1000 Genomes) 11.47
16 Cataluna (1000 Genomes) 12.18
17 Cantabria (1000 Genomes) 13.14
18 Aragon (1000 Genomes) 13.35
19 Bulgarians (Yunusbayev) 13.9
20 Bulgarian (Dodecad) 14.37

Mixed Mode Population Sharing:
# Primary Population (source) Secondary Population (source) Distance
1 82.1% Brazilian (Dodecad) + 17.9% N_Italian (Dodecad) @ 1.25
2 82.2% Brazilian (Dodecad) + 17.8% North_Italian (HGDP) @ 1.34
3 86.5% Brazilian (Dodecad) + 13.5% Bulgarians (Yunusbayev) @ 1.38
4 86.9% Brazilian (Dodecad) + 13.1% Bulgarian (Dodecad) @ 1.39
5 87% Brazilian (Dodecad) + 13% TSI30 (Metspalu) @ 1.41
6 87.6% Brazilian (Dodecad) + 12.4% Tuscan (HGDP) @ 1.46
7 65.5% Baleares (1000 Genomes) + 34.5% PUR30 @ 1.51
8 89.2% Brazilian (Dodecad) + 10.8% O_Italian (Dodecad) @ 1.55
9 90.9% Brazilian (Dodecad) + 9.1% C_Italian (Dodecad) @ 1.7
10 88.7% Brazilian (Dodecad) + 11.3% Romanians (Behar) @ 1.73
11 92.8% Brazilian (Dodecad) + 7.2% Greek (Dodecad) @ 1.76
12 84.1% Brazilian (Dodecad) + 15.9% Baleares (1000 Genomes) @ 1.88
13 75% Baleares (1000 Genomes) + 25% Puerto_Rican @ 1.92
14 94.2% Brazilian (Dodecad) + 5.8% S_Italian_Sicilian (Dodecad) @ 1.94
15 94.4% Brazilian (Dodecad) + 5.6% S_Italian (Dodecad) @ 1.95
16 94.1% Brazilian (Dodecad) + 5.9% Sicilian (Dodecad) @ 1.96
17 94.2% Brazilian (Dodecad) + 5.8% Ashkenazy_Jews @ 1.98
18 96.9% Brazilian (Dodecad) + 3.1% Armenians (Behar) @ 2.01
19 97.2% Brazilian (Dodecad) + 2.8% Georgians (Behar) @ 2.01
20 94.6% Brazilian (Dodecad) + 5.4% Ashkenazi (Dodecad) @ 2.02

RCO
08-23-2019, 11:48 PM
O meu
Admix Results (sorted):

# Population Percent
1 Atlantic_Baltic 60.28
2 Southern 23.5
3 Caucasus_Gedrosia 6.51
4 Amerindian 4.69
5 African 3.33
6 Australasian 1.34
7 South_Asian 0.35

Single Population Sharing:

# Population (source) Distance
1 Brazilian (Dodecad) 5.81
2 Extremadura (1000 Genomes) 6.75
3 Portuguese (Dodecad) 7.02
4 Galicia (1000 Genomes) 7.1
5 Spaniards (Behar) 7.44
6 Castilla_La_Mancha (1000 Genomes) 7.51
7 Spanish (Dodecad) 7.74
8 Castilla_Y_Leon (1000 Genomes) 7.79
9 Valencia (1000 Genomes) 7.81
10 Andalucia (1000 Genomes) 7.81
11 Baleares (1000 Genomes) 8.05
12 Cataluna (1000 Genomes) 8.05
13 Cantabria (1000 Genomes) 8.82
14 Murcia (1000 Genomes) 8.84
15 Aragon (1000 Genomes) 9.26
16 Canarias (1000 Genomes) 10.37
17 N_Italian (Dodecad) 11.05
18 North_Italian (HGDP) 11.07
19 French (Dodecad) 11.45
20 French (HGDP) 12.01

Mixed Mode Population Sharing:

# Primary Population (source) Secondary Population (source) Distance
1 67.5% Brazilian (Dodecad) + 32.5% French (Dodecad) @ 2.12
2 59.1% Brazilian (Dodecad) + 40.9% Cataluna (1000 Genomes) @ 2.35
3 73.9% Cataluna (1000 Genomes) + 26.1% PUR30 @ 2.35
4 73.5% Brazilian (Dodecad) + 26.5% Pais_Vasco (1000 Genomes) @ 2.4
5 69% Brazilian (Dodecad) + 31% French (HGDP) @ 2.41
6 83.9% Cataluna (1000 Genomes) + 16.1% Colombian @ 2.44
7 74% Brazilian (Dodecad) + 26% French_Basque @ 2.46
8 61.7% Brazilian (Dodecad) + 38.3% Cantabria (1000 Genomes) @ 2.51
9 79.3% Cataluna (1000 Genomes) + 20.7% CLM30 @ 2.54
10 84.5% Valencia (1000 Genomes) + 15.5% Colombian @ 2.71
11 63.4% Brazilian (Dodecad) + 36.6% Aragon (1000 Genomes) @ 2.78
12 84.7% Spanish (Dodecad) + 15.3% Colombian @ 2.82
13 80.1% Valencia (1000 Genomes) + 19.9% CLM30 @ 2.84
14 58.9% Brazilian (Dodecad) + 41.1% Valencia (1000 Genomes) @ 2.84
15 58.7% Brazilian (Dodecad) + 41.3% Spanish (Dodecad) @ 2.86
16 78.8% Brazilian (Dodecad) + 21.2% Cornwall (1000 Genomes) @ 2.89
17 79.1% Brazilian (Dodecad) + 20.9% Kent (1000 Genomes) @ 2.91
18 81% Cataluna (1000 Genomes) + 19% Puerto_Rican @ 2.91
19 80.3% Spanish (Dodecad) + 19.7% CLM30 @ 2.93
20 79.9% Brazilian (Dodecad) + 20.1% British_Isles (Dodecad) @ 2.94

Endovelicus
08-24-2019, 01:40 PM
Admix Results (sorted):

# Population Percent
1 Atlantic_Baltic 56.39
2 Southern 28.78
3 Caucasus_Gedrosia 10.46
4 African 4.14
5 Amerindian 0.22


Single Population Sharing:

# Population (source) Distance
1 Murcia (1000 Genomes) 4.55
2 Canarias (1000 Genomes) 4.93
3 Baleares (1000 Genomes) 5.52
4 Andalucia (1000 Genomes) 5.63
5 Extremadura (1000 Genomes) 5.64
6 North_Italian (HGDP) 5.81
7 Portuguese (Dodecad) 5.96
8 N_Italian (Dodecad) 6.62
9 Galicia (1000 Genomes) 6.74
10 Castilla_La_Mancha (1000 Genomes) 7.65
11 Castilla_Y_Leon (1000 Genomes) 7.91
12 Spaniards (Behar) 8.05
13 Brazilian (Dodecad) 8.6
14 Valencia (1000 Genomes) 9.19
15 Spanish (Dodecad) 9.3
16 Cataluna (1000 Genomes) 10.41
17 TSI30 (Metspalu) 10.84
18 Aragon (1000 Genomes) 11.26
19 Cantabria (1000 Genomes) 11.44
20 Tuscan (HGDP) 11.6


Mixed Mode Population Sharing:

# Primary Population (source) Secondary Population (source) Distance
1 93.1% Baleares (1000 Genomes) + 6.9% Ethiopians (Behar) @ 1.39
2 84.5% Cataluna (1000 Genomes) + 15.5% Yemenese (Behar) @ 1.43
3 93.4% Baleares (1000 Genomes) + 6.6% Somali (Dodecad) @ 1.46
4 93.1% Baleares (1000 Genomes) + 6.9% Ethiopian_Jews (Behar) @ 1.51
5 87.7% Spaniards (Behar) + 12.3% Yemenese (Behar) @ 1.57
6 86.1% Valencia (1000 Genomes) + 13.9% Yemenese (Behar) @ 1.59
7 91.2% Extremadura (1000 Genomes) + 8.8% Yemenese (Behar) @ 1.59
8 94.7% Baleares (1000 Genomes) + 5.3% MKK30 (Dodecad) @ 1.74
9 83.7% Cataluna (1000 Genomes) + 16.3% Egyptans (Behar) @ 1.77
10 72.5% Canarias (1000 Genomes) + 27.5% Bulgarians (Yunusbayev) @ 1.8
11 86% Spanish (Dodecad) + 14% Yemenese (Behar) @ 1.85
12 95% Baleares (1000 Genomes) + 5% Sandawe_He @ 1.87
13 73.5% Canarias (1000 Genomes) + 26.5% Bulgarian (Dodecad) @ 1.92
14 90.6% Extremadura (1000 Genomes) + 9.4% Jordanians (Behar) @ 1.98
15 83.3% Cantabria (1000 Genomes) + 16.7% Yemenese (Behar) @ 2.05
16 89.7% Galicia (1000 Genomes) + 10.3% Yemenese (Behar) @ 2.05
17 91% Extremadura (1000 Genomes) + 9% Egyptans (Behar) @ 2.07
18 75.6% Canarias (1000 Genomes) + 24.4% Romanians (Behar) @ 2.2
19 90.8% Extremadura (1000 Genomes) + 9.2% Palestinian (HGDP) @ 2.21
20 95.5% Baleares (1000 Genomes) + 4.5% Hadza_He @ 2.21


Na minha perspectiva os testes que valem a pena fazer são o Eurogenes K13 e K15.

Amarelo
08-24-2019, 02:05 PM
Na minha perspectiva os testes que valem a pena fazer são o Eurogenes K13 e K15.

Concordo, entretanto, o k13 e o k 15 por não constarem os brasileiros, acabam por me dar um mix genérico medio de 93% português + 7% índio ou africano. Esse world 9 e o k36 conseguem me mostrar essa pitada mais leste (east balkan no k 36) que eu ainda estou tentando descobrir de onde veio.

Ruderico
08-24-2019, 02:49 PM
Concordo, entretanto, o k13 e o k 15 por não constarem os brasileiros, acabam por me dar um mix genérico medio de 93% português + 7% índio ou africano. Esse world 9 e o k36 conseguem me mostrar essa pitada mais leste (east balkan no k 36) que eu ainda estou tentando descobrir de onde veio.

Estás a confundir o PCA com o Oracle. O K36 do Gedmatch não tem oracle, só uma data de componentes mais específicas que o K13 ou o K15.
Por outro lado também é mais antigo e usa menos SNPs, e ao criar mais componentes acaba por ser menos preciso, na minha opinião

Amarelo
08-24-2019, 07:11 PM
Estás a confundir o PCA com o Oracle. O K36 do Gedmatch não tem oracle, só uma data de componentes mais específicas que o K13 ou o K15.
Por outro lado também é mais antigo e usa menos SNPs, e ao criar mais componentes acaba por ser menos preciso, na minha opinião

Não mencionei oracle do k 36, apenas a tal subdivisão east balkan que conforme ja tratamos anteriormente, a minha acaba por ser um tanto mais alta que a dos ibericos (a parte da minha ascendencia que conheço).

Não sabia que o k13 e k15 eram posteriores ao 36. Imaginava o contrario. Tampouco sabia sobre as quantidades dos snps. Tentarei ver se de alguma forma esse tal leste se demonstra k13 e no k 15 .

Piquerobi
08-24-2019, 07:31 PM
Quem criou as primeiras ferramentas foi o Dienekes Pontikos, um grego, que parou de aprimorá-las há alguns anos. Eu acho o Dodecad k12b muito útil, por exemplo, em relação a populações antigas (e também presentes). Eu tenho interesse pelas populações antigas e não apenas pelas presentes para entender a sequência de eventos, entender a história, enfim. As presentes são efêmeras, e certamente serão diferentes no futuro. Por outro lado, mesmo para entender as populações presentes, temos que olhar para as do passado. Essas ferramentas feitas pelo Dienekes foram reproduzidas, sob outros rótulos, pelo polonês do blog "Eurogenes". E aprimoradas, quanto a alguns aspectos. O "calculator effect" por exemplo. O EUTest é das melhores na minha opinião. Mas, ao observar resultados de pessoas com múltiplas ancestralidades europeias recentes (escocês com italiano, por exemplo), percebi que se deve utilizar todo o arsenal. Oracle4 também. É assim que às vezes uma pessoa que é 1/16 inglês e 15/16 português vai mostrar em algum momento, em algumas dessas calculadoras, isso. Às vezes pode até ser que não mostre. Mas na maior parte das vezes, sim. O k13 e o k15 também são bons, e devem ser utilizados junto com o EUTest. O Globe25 é pago e não acho que vale a pena. Superestima o componente "estepe" nos europeus ocidentais, claramente, por exemplo, em desacordo com os estudos genéticos até agora feitos, e com os próprios mapas genéticos (os quais também são muito úteis). As ferramentas de ancestralidade estão estagnadas há um bom tempo na minha opinião. É difícil prever onde será o avanço. Possivelmente o sequenciamento completo do genoma humano, de maneira acessível comercialmente, possa mudar isso. Ou outras descobertas que não fazemos ideia.

No teu caso, pelo teu resultado, é possível que tenha ancestralidade italiana recente. Resultados em outras ferramentas ou mesmo uma análise quanto aos primos no Gedmatch ou no laboratório em que testou poderiam revelar isso também.

Ruderico
08-24-2019, 07:58 PM
O Globe25 é pago e não acho que vale a pena. Superestima o componente "estepe" nos europeus ocidentais, claramente, por exemplo, em desacordo com os estudos genéticos até agora feitos, e com os próprios mapas genéticos (os quais também são muito úteis). As ferramentas de ancestralidade estão estagnadas há um bom tempo na minha opinião. É difícil prever onde será o avanço. Possivelmente o sequenciamento completo do genoma humano, de maneira acessível comercialmente, possa mudar isso. Ou outras descobertas que não fazemos ideia.

Desculpa, mas isso não é verdade. A forma como se calculam as componentes dependem sempre dos modelos e das referências escolhidas para os modelos, mas isso não tem que ver com o PCA em si. Há modelos melhores e piores. O G25 foi feito pela mesma pessoa que fez o EUtest, o K13, K15 e K36 (já agora, o EUtest também é anterior ao K13 e K15, que são versões melhoradas desse). Mas contrariamente aos outros, que têm 6 ou 7 anos, este só tem 1. Foi construído com mais referências, mais variadas e avaliam mais SNPs, portanto as coordenadas dadas pelo PCA são mais fiáveis do que a dos PCAs mais velhos. Se isso não chegasse basta olhar para o plot destes PCAs para ver que o G25 é o mais semelhante aos PCAs publicados por artigos científicos. Há uma razão para o David não usar nenhum dos anteriores - estão obsoletos.

Piquerobi
08-24-2019, 08:05 PM
Desculpa, mas isso não é verdade..

É verdade sim. Os resultados do Globe25, quanto ao componente "estepe", estão em desacordo com os estudos genéticos feitos até agora, inclusive os mais recentes. É só você lê-los. Bom, cada um com a sua opinião. E o fato de ter só 1 ano não altera nada, já que, essencialmente, a tecnologia não mudou. Como disse, cada um com a sua opinião!

Ruderico
08-24-2019, 08:11 PM
É verdade sim. Os resultados do Globe25, quanto ao componente "estepe", estão em desacordo com os estudos genéticos feitos até agora, inclusive os mais recentes. É só você lê-los. Bom, cada um com a sua opinião. E o fato de ter só 1 ano não altera nada, já que, essencialmente, a tecnologia não mudou. Como disse, cada um com a sua opinião!

Não é verdade, nem é uma questão de opinião. O resultado depende dos modelos e das referências. Há uns que dão valores maiores, outros que dão valores menores. Isto não tem que ver com o PCA (Global25). Como expliquei, ainda que a tecnologia não tenha melhorado, o resultado e a forma como se chega ao produto final melhorou. É indubitável que o G25 é melhor que o K13 ou o velhinho Dodecad.
Se vale a pena comprar, é completamente subjectivo.

Piquerobi
08-24-2019, 08:14 PM
Não é verdade, nem é uma questão de opinião.

É um fato que os resultados do componente "estepe" revelados pelo Globe25 não estão de acordo com os estudos genéticos, inclusive os mais recentes. E é a minha opinião que o Globe25 não é isso tudo que você acha que ele é. Como disse, cada um com a sua opinião, e viva a liberdade de expressão!

Ruderico
08-24-2019, 08:16 PM
É um fato que os resultados do componente "estepe" revelados pelo Globe25 não estão de acordo com os estudos genéticos, inclusive os mais recentes. E é a minha opinião que o Globe25 não é isso tudo que você acha que ele é. Como disse, cada um com a sua opinião, e viva a liberdade de expressão!

Já disse que depende das referências usadas nos cálculos dos modelos. Mas já que estás a bater na mesma tecla, importas-te de mostrar esses valores? E já agora, a mesma análise feita com PCAs mais velhos, para ver se dão resultados melhores (que é a questão aqui)

Piquerobi
08-24-2019, 08:26 PM
Mas já que estás a bater na mesma tecla, importas-te de mostrar esses valores?

Pelas outras estimativas que vi, inclusive aqueles estudos sobre os irlandeses antigos, os irlandeses atuais seriam 40% Yamnaya. O Globe25 dá por volta de 50%. Os escandinavos seriam por volta de 60%. Porém, o resultado do Globe25 é 50%.

Concordo que os modelos e referências são importantes. Não sou contra o Globe25. Só, na minha leitura, a qual pode ser falha, ele não seria tão valioso assim. Apenas isso.

Ruderico
08-24-2019, 08:37 PM
Pelas outras estimativas que vi, inclusive aqueles estudos sobre os irlandeses antigos, os irlandeses atuais seriam 40% Yamnaya. O Globe25 dá por volta de 50%. Os escandinavos seriam por volta de 60%. Porém, o resultado do Globe25 é 50%.

Quero ver os estudos e os sítio onde estão os modelos do G25, para que todos possamos comparar, senão é um "diz que diz" e não se verifica nada.
Eu tenho ideia desses 40% Yamnaya nas amostras Irlandesas de Rathlin da Idade do Bronze https://www.pnas.org/content/113/2/368 (2016, é recente mas não muito)

Piquerobi
08-24-2019, 08:44 PM
Eu tenho ideia desses 40% Yamnaya nas amostras Irlandesas de Rathlin da Idade do Bronze https://www.pnas.org/content/113/2/368 Mas quanto a Irlandeses modernos não me recordo de ler nada recente

Sim, os 40% estão no estudo do Haak et al (2015). Quanto aos atuais, no próprio estudo do Rathlin, há um mapa em que a amostra antiga fica sobreposta às modernas, e se pode perceber que, na verdade, as modernas seriam até inferiores a 40%. Quanto aos noruegueses, o Haak et al (2015) dá um percentual por volta de 53%, o que não fica longe dos resultados que vi quanto aos escandinavos. Se observar os resultados do componente "estepe" para o sul da Europa, estão aumentados. São muitos estudos e daria tempo para buscar tudo.

Esse tópico aqui tem vários resultados do Globe25, é só comparar com os resultados dos estudos:

https://anthrogenica.com/showthread.php?17959-Small-Eurocentric-G25-Unscaled-Basic-Calculator/page10

Ruderico
08-24-2019, 09:07 PM
Sim, os 40% estão no estudo do Haak et al (2015). Quanto aos atuais, no próprio estudo do Rathlin, há um mapa em que a amostra antiga fica sobreposta às modernas, e se pode perceber que, na verdade, as modernas seriam até inferiores a 40%. Quanto aos noruegueses, o Haak et al (2015) dá um percentual por volta de 53%, o que não fica longe dos resultados que vi quanto aos escandinavos. Se observar os resultados do componente "estepe" para o sul da Europa, estão aumentados. São muitos estudos e daria tempo para buscar tudo.

Esse tópico aqui tem vários resultados do Globe25, é só comparar com os resultados dos estudos:

https://anthrogenica.com/showthread.php?17959-Small-Eurocentric-G25-Unscaled-Basic-Calculator/page10

Bem o estudo do Haak foi muito bom, mas já tem 4 anos. Muito mudou desde lá. Por exemplo o ADMIXTURE dizia que os Espanhóis têm menos Yamnaya que os Bascos e que os Italianos de Bergamo e da Toscana (aliás, também dizia que os Toscanos têm mais que os de Bergamo) (https://media.nature.com/m685/nature-assets/nature/journal/v522/n7555/images/nature14317-f3.jpg). Hoje sabemos que não é bem assim.

É verdade que as amostras antigas não funcionam de melhor maneira nos PCAs que usamos aqui porque estes foram construídos com amostras modernas (isso também acontece nos K15, etc), para além do mais as mais antigas acabam por conter mais ruído nas dimensões mais elevadas, isso pode causar resultados menos precisos, daí que seja necessária alguma regularização dos dados. O David escala as coordenadas, o Huijbregts mete a penalidade. O ph2ter não meteu nada, daí que usar estes modelos como base para avaliar a funcionalidade e potencial do G25 seja uma má ideia. Se o queres fazer, o melhor é com modelos feitos por quem realmente sabe, como o Davidski. Aliás, ele muitas vezes corre modelos no qpAdm e no G25+nMonte e os resultados são próximos, apesar de serem métodos diferentes.

Mas nada disto invalida o meu ponto, que é que o G25 é mais preciso que os outros PCAs. Se vale a pena pagar 12USD já é com cada um. Eu paguei e estou satisfeito, foi muito mais informativo que um K15 num Gedmatch ou yourdnaportal.

Piquerobi
08-24-2019, 09:23 PM
Bem o estudo do Haak foi muito bom, mas já tem 4 anos. Muito mudou desde lá.

Isso é verdade. Não estou dizendo que o Haak é perfeito. Inclusive o fato de ele separar espanhóis em espanhóis do norte e espanhóis é estranho. Eu tenho estudos mais modernos salvos em pdf. Porém não me fica fácil aqui localizá-los agora. Vi um recentemente de 2018 ou 2019 que continha percentagens quanto a populações modernas. Não estou dizendo que os resultados dos estudos necessariamente são melhores. Já vi eles se enganarem redondamente, inclusive quanto à origem do R1b-M269.

Naquele tópico do Globe25 vi uma amostra siciliana tirar como resultado por volta de 24% estepe. Achei o resultado alto, tendo em vista resultados anteriores.

Gil Vicente
08-24-2019, 09:35 PM
Aqui ficam os meus:

Admix Results (sorted):

# Population Percent
1 Atlantic_Baltic 60.67
2 Southern 26.7
3 Caucasus_Gedrosia 9.09
4 African 2.54
5 Australasian 0.7
6 South_Asian 0.3

Single Population Sharing:

# Population (source) Distance
1 Extremadura (1000 Genomes) 1.94
2 Baleares (1000 Genomes) 2.74
3 Portuguese (Dodecad) 2.84
4 Andalucia (1000 Genomes) 2.87
5 Galicia (1000 Genomes) 2.91
6 Spaniards (Behar) 3.59
7 Castilla_La_Mancha (1000 Genomes) 3.76
8 Castilla_Y_Leon (1000 Genomes) 4.28
9 Valencia (1000 Genomes) 4.69
10 Murcia (1000 Genomes) 4.73
11 Spanish (Dodecad) 4.87
12 Cataluna (1000 Genomes) 5.66
13 North_Italian (HGDP) 6.69
14 Aragon (1000 Genomes) 6.96
15 Cantabria (1000 Genomes) 6.97
16 N_Italian (Dodecad) 7.03
17 Canarias (1000 Genomes) 7.22
18 Brazilian (Dodecad) 9.52
19 French (Dodecad) 11.03
20 French (HGDP) 11.58

Mixed Mode Population Sharing:

# Primary Population (source) Secondary Population (source) Distance
1 91.6% Cataluna (1000 Genomes) + 8.4% Yemenese (Behar) @ 1.13
2 89.2% Extremadura (1000 Genomes) + 10.8% Bulgarians (Yunusbayev) @ 1.14
3 89.9% Extremadura (1000 Genomes) + 10.1% Bulgarian (Dodecad) @ 1.16
4 68.3% Canarias (1000 Genomes) + 31.7% Hungarians (Behar) @ 1.21
5 90.8% Extremadura (1000 Genomes) + 9.2% Romanians (Behar) @ 1.22
6 97.3% Extremadura (1000 Genomes) + 2.7% Lezgins (Behar) @ 1.23
7 97.2% Extremadura (1000 Genomes) + 2.8% Chechens (Yunusbayev) @ 1.27
8 98.1% Extremadura (1000 Genomes) + 1.9% Kalash @ 1.29
9 83.7% Portuguese (Dodecad) + 16.3% Bulgarians (Yunusbayev) @ 1.3
10 97.2% Extremadura (1000 Genomes) + 2.8% Adygei (HGDP) @ 1.32
11 97.3% Extremadura (1000 Genomes) + 2.7% Balkars (Yunusbayev) @ 1.35
12 97.4% Extremadura (1000 Genomes) + 2.6% North_Ossetians (Yunusbayev) @ 1.35
13 61.9% Canarias (1000 Genomes) + 38.1% French (HGDP) @ 1.35
14 97.4% Extremadura (1000 Genomes) + 2.6% Kumyks (Yunusbayev) @ 1.36
15 97.5% Extremadura (1000 Genomes) + 2.5% Tajiks (Yunusbayev) @ 1.38
16 84.8% Portuguese (Dodecad) + 15.2% Bulgarian (Dodecad) @ 1.38
17 98.2% Extremadura (1000 Genomes) + 1.8% Makrani @ 1.42
18 98.2% Extremadura (1000 Genomes) + 1.8% Brahui (HGDP) @ 1.42
19 98.2% Extremadura (1000 Genomes) + 1.8% Balochi (HGDP) @ 1.44
20 97.1% Extremadura (1000 Genomes) + 2.9% Nogais (Yunusbayev) @ 1.44

Ruderico
08-24-2019, 09:41 PM
Isso é verdade. Não estou dizendo que o Haak é perfeito. Inclusive o fato de ele separar espanhóis em espanhóis do norte e espanhóis é estranho. Eu tenho estudos mais modernos salvos em pdf. Porém não me fica fácil aqui localizá-los agora. Vi um recentemente de 2018 ou 2019 que continha percentagens quanto a populações modernas. Não estou dizendo que os resultados dos estudos necessariamente são melhores. Já vi eles se enganarem redondamente, inclusive quanto à origem do R1b-M269.

Naquele tópico do Globe25 vi uma amostra siciliana tirar como resultado por volta de 24% estepe. Achei o resultado alto, tendo em vista resultados anteriores.

Há modelos e modelos. O Olalde (2019) tem este modelo para NE_Iberia_c.6-8CE_ES (L'Esquerda) na Supp Info
Iberia_IA,79.4
Greek,20.6

Se correr no G25 com coordenadas regulares consigo ter
[1] "distance%=2.3212"

Iberia_Northeast_c.6-8CE_ES:I7673

Celtiberian,82
Greek,18

Não é igual, mas está próximo. Se tivesse paciência em escolher outra amostra de Iberia_IA se calhar até dava para ficar mais próximo, mas isto já é suficientemente bom. O G25 é um óptimo PCA, mas é preciso perder tempo a escolher referências para modelos.