PDA

View Full Version : 23andme



Huntchback
02-21-2022, 09:55 AM
Caríssimos,

Gostaria de saber a vossa opinião sobre a última update do 23andme, especificamente para o caso Português (e provavelmente também para o espanhol).

Aquilo que observo é que fomos praticamente todos (e não incluindo pessoas com outras ascendências muito recentes) praticamente todos corridos a 100% Ibérico.

Parece-me que o modelo Ibérico deles contará já com, por exemplo, significativas componentes norte-africanas. Sendo certo que eles pretendem fornecer resultados de "ancestralidade recente" (últimas centenas de anos), a utilidade destes testes para uma significativa percentagem da população portuguesa fica seriamente posta em causa.

O que acham?

As minhas desculpas se este é um tema já anteriormente discutido.

Ruderico
03-16-2022, 08:22 PM
Caríssimos,

Gostaria de saber a vossa opinião sobre a última update do 23andme, especificamente para o caso Português (e provavelmente também para o espanhol).

Aquilo que observo é que fomos praticamente todos (e não incluindo pessoas com outras ascendências muito recentes) praticamente todos corridos a 100% Ibérico.

Parece-me que o modelo Ibérico deles contará já com, por exemplo, significativas componentes norte-africanas. Sendo certo que eles pretendem fornecer resultados de "ancestralidade recente" (últimas centenas de anos), a utilidade destes testes para uma significativa percentagem da população portuguesa fica seriamente posta em causa.

O que acham?

As minhas desculpas se este é um tema já anteriormente discutido.

Tudo o que dizes está correcto.

O maior mercado do 23andme é o norte Americano onde as pessoas são uma na sua esmagadora maioria uma mixórdia de diferentes ancestralidades muito recentes, este tipo de abordagem faz todo o sentido para a sua clientela. No entanto o problema é que o 23andme continua a ter uma fraca componente genealógica na sua página, está a milhas do MyHeritage apesar do teste em si ser muito superior em termos de resultados. Infelizmente, para quem quer desenvolver a sua genealogia, ter matches dos USA é geralmente pouco útil, muitos pouco ou nada sabem das suas origens e muitas vezes acreditam em mitos familiares que afinal de contas estão errados.

A parte das regiões (distritos cá em Portugal) continua a ser um fiasco para nós, esta é mesmo a minha maior crítica ao 23andme. Isso e eu continuar com um 6% F&G que não faz sentido nenhum, mas isso são outros quinhentos.

Hrodric
03-17-2022, 01:45 PM
Caríssimos,

Gostaria de saber a vossa opinião sobre a última update do 23andme, especificamente para o caso Português (e provavelmente também para o espanhol).

Aquilo que observo é que fomos praticamente todos (e não incluindo pessoas com outras ascendências muito recentes) praticamente todos corridos a 100% Ibérico.

Parece-me que o modelo Ibérico deles contará já com, por exemplo, significativas componentes norte-africanas. Sendo certo que eles pretendem fornecer resultados de "ancestralidade recente" (últimas centenas de anos), a utilidade destes testes para uma significativa percentagem da população portuguesa fica seriamente posta em causa.

O que acham?

As minhas desculpas se este é um tema já anteriormente discutido.

Uma das vantagens que o 23andMe tem é o fornecimento dos haplogrupos materno e paterno. Contudo, há que realçar que os resultados dos haplogrupos não são os ideais, uma vez que a companhia faz genotipagem em vez de sequenciação, e isto, no caso do haplogrupo materno, pode levar a um resultado errado! Para a obtenção do haplogrupo materno é imperial que se sequencie TODO o DNA mitocondrial. A sequenciação de apenas a região controlo do mtDNA já é pré-histórico lol... agora imaginem fazer só uma genotipagem pfffff. Quanto às linhagens paternas a história é diferente, sendo o resultado sempre fiável (salvo alguma anormalidade), no entanto a sequenciação continua a ser um método muito melhor caso pretendas saber o teu haplogrupo com uma boa "profundidade". Para isso é que existem outras companhias como a FamilyTreeDNA... mas aí tens de puxar forte pela carteira eheheh.

No overall, acho que o 23andMe é um teste bom para os americanos que têm uma mistela engraçada e relativamente recente... mas para os portugueses pode ser uma desilusão, especialmente para quem acha que vai ter um resultado diverso ("jokes on you, you are 100% iberian").

Pelo lado positivo, tem os referidos haplogrupos, e também fornece dados sobre traços físicos, que no meu caso achei assustadoramente accurate lol

Luso
03-17-2022, 05:31 PM
Uma das vantagens que o 23andMe tem é o fornecimento dos haplogrupos materno e paterno. Contudo, há que realçar que os resultados dos haplogrupos não são os ideais, uma vez que a companhia faz genotipagem em vez de sequenciação, e isto, no caso do haplogrupo materno, pode levar a um resultado errado! Para a obtenção do haplogrupo materno é imperial que se sequencie TODO o DNA mitocondrial. A sequenciação de apenas a região controlo do mtDNA já é pré-histórico lol... agora imaginem fazer só uma genotipagem pfffff. Quanto às linhagens paternas a história é diferente, sendo o resultado sempre fiável (salvo alguma anormalidade), no entanto a sequenciação continua a ser um método muito melhor caso pretendas saber o teu haplogrupo com uma boa "profundidade". Para isso é que existem outras companhias como a FamilyTreeDNA... mas aí tens de puxar forte pela carteira eheheh.

No overall, acho que o 23andMe é um teste bom para os americanos que têm uma mistela engraçada e relativamente recente... mas para os portugueses pode ser uma desilusão, especialmente para quem acha que vai ter um resultado diverso ("jokes on you, you are 100% iberian").

Pelo lado positivo, tem os referidos haplogrupos, e também fornece dados sobre traços físicos, que no meu caso achei assustadoramente accurate lol

Adicionando-

Nota: Se tu deseja encontrar seu y-dna, não precisa fazer 23andMe. Pode simplesmente baixar seu raw dna do AncestryDNA ou FTDNA e enviá-los para https://cladefinder.yseq.net/

mas para encontrar seu mtdna, tu precisaria fazer um teste de mtdna da FTDNA ou encontrar informações básicas de teste da 23andMe

Ruderico
03-17-2022, 05:53 PM
Contudo, há que realçar que os resultados dos haplogrupos não são os ideais, uma vez que a companhia faz genotipagem em vez de sequenciação, e isto, no caso do haplogrupo materno, pode levar a um resultado errado! Para a obtenção do haplogrupo materno é imperial que se sequencie TODO o DNA mitocondrial. A sequenciação de apenas a região controlo do mtDNA já é pré-histórico lol... agora imaginem fazer só uma genotipagem pfffff.

Crédito lhes seja dado, acho que nunca li ninguém obter um mtDNA errado no 23andme. Já no yDNA há falsos positivos em alguns SNPs, por exemplo acho que toda a gente testa positivo para I-Z58 mesmo quando não o são de facto.

Hrodric
03-18-2022, 05:27 PM
Adicionando-

Nota: Se tu deseja encontrar seu y-dna, não precisa fazer 23andMe. Pode simplesmente baixar seu raw dna do AncestryDNA ou FTDNA e enviá-los para https://cladefinder.yseq.net/

mas para encontrar seu mtdna, tu precisaria fazer um teste de mtdna da FTDNA ou encontrar informações básicas de teste da 23andMe

Sim, é verdade... e quem tiver alguns conhecimentos até pode tentar extrair o haplogrupo manualmente através do raw data, mas dá algum trabalho. É bem mais simples usar o cladefinder lol

Hrodric
03-18-2022, 05:39 PM
Crédito lhes seja dado, acho que nunca li ninguém obter um mtDNA errado no 23andme. Já no yDNA há falsos positivos em alguns SNPs, por exemplo acho que toda a gente testa positivo para I-Z58 mesmo quando não o são de facto.

Eu aponto para a maior taxa de mutação do mtDNA sobre o DNA nuclear como um fator que pode ser problemático ao genotipar o mtDNA, sendo a sequenciação um método mais reliable para atribuir um haplogrupo.

O I-Z58 parece ser um haplogrupo muito basal e por isso é que deve ter muitos indivíduos que testam positivo para a mutação Z58... mas para confirmar isso deveria analisar-se algumas mutações que aparecem antes da Z58 na árvore filogenética. Se essas mutações derem positivo, nice. Se derem negativo é pq há algum problema.

Ruderico
03-18-2022, 05:44 PM
mas para confirmar isso deveria analisar-se algumas mutações que aparecem antes da Z58 na árvore filogenética. Se essas mutações derem positivo, nice. Se derem negativo é pq há algum problema.

É exactamente isso que se passa, os SNPs que estão a jusante são todos negativos, mas alguns ao nível do Z58 (ou apenas o próprio Z58, nem sei bem) aparecem positivos a todos os utilizadores. Acho que não é caso único, mas acaba por não ser problemático visto que nem eles acabam por o atribuir na página dos resultados.

PS: Só agora reparei que temos o nosso antepassado paterno mais antigo exactamente com o mesmo nome, a nascer exactamente na mesma altura :lol:

Hrodric
03-18-2022, 06:32 PM
PS: Só agora reparei que temos o nosso antepassado paterno mais antigo exactamente com o mesmo nome, a nascer exactamente na mesma altura :lol:

Parece que Domingos foi um nome bastante comum no Minho loool A minha árvore genealógica está infestada de Domingos

Mas é uma grande coincidência... seria ainda mais engraçado se tivessem nascido no mesmo lugar lol Ainda hei de revirar a papelada outra vez para ver se encontro o registo de nascimento dele, contudo não estou muito confiante

Ruderico
03-18-2022, 07:47 PM
Parece que Domingos foi um nome bastante comum no Minho loool A minha árvore genealógica está infestada de Domingos

Mas é uma grande coincidência... seria ainda mais engraçado se tivessem nascido no mesmo lugar lol Ainda hei de revirar a papelada outra vez para ver se encontro o registo de nascimento dele, contudo não estou muito confiante

Sim, e Rodrigues também os havia aos pontapés, ainda hoje é o apelido mais comum na Galiza.

Quanto ao assento de nascimento espero que tenhas mais sorte que eu. Do meu não tenho grandes esperanças, ele era natural de Fontoura (Valença) mas todos os registos que tenho são de Penalva do Castelo, onde parece ter vivido até morrer, e em nenhum dos assentos é dito nome dos pais. Tendo em conta a distância entre Valença e Penalva duvido que algum familiar dele tenha estado presente num baptismo dos filhos. A minha única esperança é se em Fontoura, na altura em que ele nasceu, haja só um único Domingos...o que é possível, mas bastante improvável. Se houver mais que um Domingos fico sem saber qual é o 'meu' porque para além do apelido, que vale o que vale em finais de 1600s, não tenho grandes pistas. Só sei que o meu era pedreiro e moleiro - tal como todos os seus descendentes varões até ao meu avô. Curioso também é que do lado da minha mãe tenho antepassados também de Fontoura datados dessa mesma época, é o único concelho, freguesia e lugar em que os meus pais têm ambos antepassados.

Edit: Pior ainda, os assentos de Fontoura desta época não estão no tombo.pt, teria mesmo de ir ao Arquivo Distrital de Viana. Enfim.

Hrodric
03-18-2022, 10:38 PM
Sim, e Rodrigues também os havia aos pontapés, ainda hoje é o apelido mais comum na Galiza.

Quanto ao assento de nascimento espero que tenhas mais sorte que eu. Do meu não tenho grandes esperanças, ele era natural de Fontoura (Valença) mas todos os registos que tenho são de Penalva do Castelo, onde parece ter vivido até morrer, e em nenhum dos assentos é dito nome dos pais. Tendo em conta a distância entre Valença e Penalva duvido que algum familiar dele tenha estado presente num baptismo dos filhos. A minha única esperança é se em Fontoura, na altura em que ele nasceu, haja só um único Domingos...o que é possível, mas bastante improvável. Se houver mais que um Domingos fico sem saber qual é o 'meu' porque para além do apelido, que vale o que vale em finais de 1600s, não tenho grandes pistas. Só sei que o meu era pedreiro e moleiro - tal como todos os seus descendentes varões até ao meu avô. Curioso também é que do lado da minha mãe tenho antepassados também de Fontoura datados dessa mesma época, é o único concelho, freguesia e lugar em que os meus pais têm ambos antepassados.

Edit: Pior ainda, os assentos de Fontoura desta época não estão no tombo.pt, teria mesmo de ir ao Arquivo Distrital de Viana. Enfim.

Yikes! O teu caso ainda é pior do que o meu... mas ainda há esperança... outro problema que também se calhar tens é o uso abusivo de abreviaturas (eg. Dgos, Mª, Jº etc.) que pode tornar moroso o processo, ainda por cima com a tinta toda borratada típica dos documentos mais antigos. Espero que ainda consigas resolver essa brickwall.